Co­ra­gem e fo­co aju­dam na cu­ra

Correio da Bahia - - Mais - Car­men Vasconcelos

la­do e par­tiu pa­ra re­ti­ra­da do tumor e o tra­ta­men­to. Re­a­li­zou as qui­mi­o­te­ra­pi­as ver­me­lha (co­nhe­ci­da pe­la agres­si­vi­da­de) e a bran­ca, fez ra­di­o­te­ra­pia e pe­nou com to­das as re­a­ções ad­ver­sas de am­bos os tra­ta­men­tos, in­clu­si­ve com a que­da do ca­be­lo, a per­da das unhas e as quei­ma­du­ras na ma­ma. Ho­je, ven­ci­das as eta­pas mais de­li­ca­das, co­me­mo­ra a vi­da e a vi­tó­ria so­bre a do­en­ça. “Ti­rei vá­ri­as li­ções im­por­tan­tes des­se meu pro­ces­so. A pri­mei­ra é que ne­nhum obs­tá­cu­lo é gran­de de­mais quan­do se tem fé; se­gun­do que não dá pa­ra re­la­xar quan­do o as­sun­to é saú­de; de­pois que a pre­ven­ção do cân­cer de ma­ma não é as­sun­to ape­nas das mu­lhe­res mai­o­res de 50 anos, sou uma pro­va dis­so”, con­ta Rail­da.

A mas­to­lo­gis­ta Carina Brit­to, do Hap­vi­da, lem­bra que a fai­xa etá­ria mais aco­me­ti­da pe­lo cân­cer de ma­ma es­tá en­tre os 50 e os 69 anos, mas des­ta­ca que a do­en­ça tam­bém sur­ge em fai­xas etá­ri­as mais jo­vens, es­pe­ci­al­men­te pe­los fa­to­res am­bi­en­tais e a vi­da de ho­je. “A obe­si­da­de, ta­ba­gis­mo, a ali­men­ta­ção ri­ca em in­dus­tri­a­li­za­dos são fa­to­res de ris­co, por exem­plo, mas a uma par­te sig­ni­fi­ca­ti­va das mu­lhe­res ig­no­ra es­sa con­di­ção”, diz a es­pe­ci­a­lis­ta.

Três mu­lhe­res con­tam su­as his­tó­ri­as de vi­tó­ria so­bre o cân­cer

DI­AG­NÓS­TI­CO PRE­CO­CE

De acor­do com a on­co­lo­gis­ta es­pe­ci­a­li­za­da em saú­de da mu­lher do Nú­cleo de On­co­lo­gia da Bahia Lu­ci­a­na Lan­dei­ro, quan­do o cân­cer é diagnosticado no iní­cio, exis­te mais de 80% de chan­ce de cu­ra. “Em­bo­ra o Mi­nis­té­rio da Saú­de re­co­men­de ma­mo­gra­fi­as anu­ais pa­ra mu­lhe­res aci­ma dos 50, é im­por­tan­te fa­zer o acom­pa­nha­men­to da saú­de das ma­mas des­de ce­do, aten­tan­do pa­ra qual­quer al­te­ra­ção que pos­sa ser per­ce­bi­da”, diz.

Rail­da aler­ta que a do­en­ça não se res­trin­ge a mu­lhe­res mai­o­res de 50 anos e que a pre­ven­ção é tu­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.