Di­fí­cil ser oti­mis­ta

Correio da Bahia - - Front Page - Moysés Su­zart moy­ses.su­zart@re­de­bahia.com.br

Não há di­fe­ren­ça en­tre ver um jo­go do Vi­tó­ria ou ou­vir Pablo en­quan­to so­fre pe­la mu­lher ama­da. É uma so­frên­cia sem fim. On­tem, o Leão per­deu do Cru­zei­ro, por 1x0, no Bar­ra­dão. Com a quar­ta der­ro­ta se­gui­da na com­pe­ti­ção, a Série B é a úni­ca coi­sa que a tor­ci­da con­se­gue en­xer­gar no fun­do do tú­nel. O gri­to de “Ão ão ão, se­gun­da di­vi­são” eco­ou gri­ta­do pe­la tor­ci­da ru­bro-ne­gra.

O re­sul­ta­do dei­xa o Vi­tó­ria em 17º lu­gar, na zo­na de re­bai­xa­men­to, com 35 pon­tos. São dois pon­tos de des­van­ta­gem pa­ra o Sport, 16º co­lo­ca­do. Fal­tam seis ro­da­das pa­ra o fim do Brasileirão.

On­tem, con­tra o Cru­zei­ro, o ti­me não mos­trou evo­lu­ção. Sai Ti­a­go Re­al, en­tra Da­vid, sai Cár­de­nas, en­tra Ser­gi­nho, mas o ti­me con­ti­nua sem po­der de re­a­ção. Mes­mo sem pe­ças de con­fi­an­ça pa­ra um es­que­ma com três ata­can­tes, o téc­ni­co Ar­gel Fucks man­te­ve o es­que­ma 4-2-3-1, pro­cu­ran­do de­ses­pe­ra­da­men­te um subs­ti­tu­to pa­ra o ma­chu­ca­do Ma­ri­nho. Con­tra os mi­nei­ros, Da­vid foi a co­baia e, as­sim co­mo Ti­a­go Re­al, não deu cer­to.

No meio, a es­co­lha de Ser­gi­nho tam­bém não ren­deu. Nos trei­nos du­ran­te a se­ma­na, Ser­gi­nho se des­ta­cou, mas on­tem mal con­se­guia do­mi­nar a bo­la. Com a me­ta­de do ti­me re­ser­va em fun­ção da se­mi­fi­nal da Co­pa do Bra­sil, o Cru­zei­ro co­me­çou me­lhor, com Ar­ras­ca­e­ta se des­ta­can­do. Vi­tó­ria Fer­nan­do Mi­guel, Di­o­go Ma­teus (Van­der), Ramon, Victor Ra­mos e Eul­ler; Wil­li­an Fa­ri­as, Jo­sé We­li­son e Ser­gi­nho (Cár­de­nas); Ki­e­za, Da­vid (Alí­pio) e Zé Lo­ve Téc­ni­co Ar­gel Fucks

Cru­zei­ro Ra­fa­el, Eze­qui­el, Ma­no­el, Léo e Bryan; De­nil­son, Bru­no Ra­mi­res (Ro­bi­nho), Ari­el Ca­bral e Ar­ras­ca­e­ta (Bru­no Ro­dri­go); Alis­son e Wil­li­an

Téc­ni­co Ma­no Me­ne­zes

Es­tá­dio Bar­ra­dão

Gol Ari­el Ca­bral, aos 39 mi­nu­tos do 1º tempo

Car­tão ama­re­lo Jo­sé We­li­son e Zé Lo­ve

Car­tão ver­me­lho Léo

Pú­bli­co 27.489 pa­gan­tes

Ren­da R$ 262.751,00

Ár­bi­tro Thi­a­go Pei­xo­to (SP), au­xi­li­a­do por Da­ni­lo Ma­nis (SP) e Her­man Va­ni (SP)

Após pres­são cru­zei­ren­se até os 25 mi­nu­tos, o Vi­tó­ria acor­dou e che­gou per­to do gol em du­as opor­tu­ni­da­des. Na pri­mei­ra, após lan­ça­men­to na área, Ki­e­za qua­se mar­cou de ca­be­ça. Na se­gun­da, Da­vid in­va­diu a área e ba­teu cru­za­do, mas a bo­la es­bar­rou na za­ga.

No meio, ape­nas Jo­sé We­li­son pa­re­cia lú­ci­do. Por pou­co não fez o gol após co­bran­ça de fal­ta. Or­ga­ni­za­do, o Cru­zei­ro jo­ga­va no er­ro do Vi­tó­ria. Aos 39 mi­nu­tos, a li­mi­ta­ção ru­bro-ne­gra mais uma vez cau­sou con­sequên­ci­as de­sas­tro­sas. Ar­ras­ca­e­ta cru­zou es­can­teio e Ari­el Ca­bral, li­vre no pri­mei­ro pau, fez de pei­xi­nho.

Os 27 mil pa­gan­tes, em­pur­ra­dos pe­la pro­mo­ção de in­gres­so a R$ 10, vi­am o Vi­tó­ria apá­ti­co, sem for­ça pa­ra re­a­gir.

UM A MAIS

No se­gun­do tempo, uma es­pe­ran­ça. Aos 10 mi­nu­tos, Léo der­ru­bou Ki­e­za, in­ter­rom­pen­do um con­tra-ata­que que ter­mi­na­ria com o ca­mi­sa 9 ru­bro-ne­gro na área ad­ver­sá­ria. Co­mo já ti­nha car­tão ama­re­lo, aca­bou ex­pul­so. Pa­ra re­com­por a za­ga, Ma­no Me­ne­zes ti­rou o en­di­a­bra­do Ar­ras­ca­e­ta. Fal­ta­va o Vi­tó­ria se aju­dar.

O ti­me até ata­ca­va, mas sem mui­to pe­ri­go, man­dan­do bo­la na área na es­pe­ran­ça de uma ca­be­ça sal­va­do­ra. Zé Lo­ve ten­ta­va ca­var pê­nal­ti e o juiz não ia na de­le. O Cru­zei­ro não te­ve tra­ba­lho pa­ra se­gu­rar o pla­car. Sem or­ga­ni­za­ção, o Vi­tó­ria não pa­re­cia es­tar com um jo­ga­dor a mais.

Aos 28 mi­nu­tos, Wil­li­an Fa­ri­as qua­se fez de ca­be­ça. Aos 38 mi­nu­tos, o bal­de de água ge­la­da que mo­ti­vou a ira da tor­ci­da. Ki­e­za so­freu pê­nal­ti e, na co­bran­ça, o go­lei­ro Ra­fa­el de­fen­deu o chu­te de Cár­de­nas. Foi o ter­cei­ro pê­nal­ti per­di­do se­gui­do do Vi­tó­ria.

Vi­tó­ria per­de mais um pê­nal­ti, le­va 1x0 do Cru­zei­ro e se­gue em 17º lu­gar

Ari­el Ca­bral, ca­mi­sa 5 do Cru­zei­ro, dá um pei­xi­nho e faz o úni­co gol do jo­go no Bar­ra­dão; Vi­tó­ria per­de a quar­ta par­ti­da se­gui­da e vê sua si­tu­a­ção no Bra­si­lei­ro ca­da vez mais com­pli­ca­da

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.