24h Se­gu­ran­ça é mor­to após lu­tar com sus­pei­tos pró­xi­mo de ca­sa

Correio da Bahia - - Bahia -

ITAPUÃ O se­gu­ran­ça Os­val­do Da­mas­ce­no Coutinho, 33 anos, foi mor­to na noi­te de an­te­on­tem, no bair­ro de Itapuã, ao re­a­gir ao lu­tar com dois sus­pei­tos na Rua Ál­va­ro Ba­quei­ro. A es­po­sa de­le, a ma­ni­cu­re Dé­bo­ra de Con­cei­ção Al­mei­da, con­tou ao CORREIO que es­ta­va com o ma­ri­do e o fi­lho de três anos con­ver­san­do na por­ta da ca­sa de um vi­zi­nho quan­do Os­val­do pe­diu que ela adi­an­tas­se e fos­se pa­ra ca­sa com a cri­an­ça. Ela dis­se que, até en­tão, eles não ti­nham per­ce­bi­do na­da de es­tra­nho na rua. Quan­do Dé­bo­ra ca­mi­nha­va com o fi­lho pa­ra a re­si­dên­cia, por vol­ta das 20h50, ou­viu dois dis­pa­ros e per­ce­beu que o ma­ri­do lu­ta­va com um ho­mem que es­ta­va acom­pa­nha­do de ou­tro sus­pei­to em uma mo­to. “Ele (Os­val­do) es­ta­va fa­lan­do no ce­lu­lar e não sei se abor­da­ram ele pa­ra rou­bar o apa­re­lho. Cos­tu­ma ter as­sal­tos na re­gião”, sus­pei­ta Dé­bo­ra. Ela não re­co­nhe­ceu ne­nhum dos dois ho­mens. Ain­da se­gun­do a es­po­sa, Os­val­do che­gou a imo­bi­li­zar um dos su­pos­tos as­sal­tan­tes. Ela ain­da ou­viu ou­tros cin­co dis­pa­ros. Além de Os­val­do, um dos sus­pei­tos tam­bém foi ba­le­a­do e não re­sis­tiu aos fe­ri­men­tos. “Eu só vi meu ma­ri­do ba­le­a­do e san­gran­do mui­to e cor­ri pa­ra so­cor­rer”, lem­brou ela. Um vi­zi­nho aju­dou, e Os­val­do foi le­va­do pa­ra o Hos­pi­tal Ge­ral Me­nan­dro de Fa­ria, em Lau­ro de Frei­tas, na Re­gião Metropolitana de Sal­va­dor. Ao che­gar na uni­da­de mé­di­ca, a ví­ti­ma ain­da res­pi­ra­va, se­gun­do a es­po­sa, mas mor­reu após du­as pa­ra­das car­di­or­res­pi­ra­tó­ri­as. Até o fi­nal da tar­de de on­tem, a po­lí­cia ain­da não ti­nha iden­ti­fi­ca­do o se­gun­do ho­mem que mor­reu na mes­ma ocor­rên­cia. Dé­bo­ra acre­di­ta que ele pos­sa ser um dos su­pos­tos as­sal­tan­tes e que te­ria si­do lin­cha­do por po­pu­la­res. A Po­lí­cia Mi­li­tar, no en­tan­to, in­for­mou, em no­ta, que o ho­mem foi atin­gi­do por dis­pa­ro de ar­ma de fo­go e so­cor­ri­do pa­ra a UPA (Uni­da­de de Pron­to Aten­di­men­to) Hélio Ma­cha­do, no bair­ro de Itapuã, mas tam­bém não re­sis­tiu aos fe­ri­men­tos e mor­reu. O se­gun­do ho­mem que abor­dou a ví­ti­ma con­se­guiu fu­gir. O De­par­ta­men­to de Ho­mi­cí­di­os e Pro­te­ção à Pes­soa (DHPP) vai in­ves­ti­gar a au­to­ria e a mo­ti­va­ção do cri­me. Os­val­do es­ta­va de­sem­pre­ga­do e, além do fi­lho de 3 anos, a ví­ti­ma dei­xou ou­tro fi­lho de 6 anos de um pri­mei­ro ca­sa­men­to. O se­gu­ran­ça mo­ra­va em Itapuã des­de cri­an­ça e era ca­sa­do com Dé­bo­ra ha­via se­te anos. O CORREIO não con­se­guiu fa­lar com a de­le­ga­cia do bair­ro, pa­ra ob­ter mais in­for­ma­ções so­bre o cri­me.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.