24h Pre­si­den­te da Sí­ria ri após ser per­gun­ta­do so­bre cri­an­ças mor­tas

Correio da Bahia - - Mundo -

EN­TRE­VIS­TA Di­an­te de uma guer­ra que já du­ra qua­se seis anos na Sí­ria, o di­ta­dor Bashar al-As­sad riu e dis­se que dor­me bem à noi­te ao ser ques­ti­o­na­do so­bre a mor­te de cri­an­ças na Sí­ria. Em en­tre­vis­ta ao jor­nal bri­tâ­ni­co The Sun­day Ti­mes, on­tem, o pre­si­den­te sí­rio afir­mou ain­da que a mor­te de cen­te­nas de mi­lha­res de ci­vis é cul­pa dos ter­ro­ris­tas e des­ta­cou que tu­do is­so “se tra­ta de uma guer­ra, não de ca­ri­da­de”.

“Eu sei o sig­ni­fi­ca­do des­ta per­gun­ta. Eu dur­mo bem. Eu dur­mo, tra­ba­lho e co­mo nor­mal­men­te, e fa­ço es­por­tes”, te­ria res­pon­di­do As­sad, se­gun­do o The In­de­pen­dent, à per­gun­ta do The Sun­day Ti­mes a res­pei­to das mor­tes de cri­an­ças sí­ri­as.

Re­la­tó­rio re­cen­te do Cen­tro Sí­rio pa­ra Pes­qui­sa Po­lí­ti­ca (SCPR, na si­gla em in­glês) apon­ta que 470 mil pes­so­as já mor­re­ram no atu­al con­fli­to sí­rio. Cer­ca de 400 mil se­ri­am re­sul­ta­do di­re­to de ata­ques no país, en­quan­to o res­tan­te foi re­fle­xo das más con­di­ções de in­fra­es­tru­tu­ra por cau­sa dos cons­tan­tes ata­ques, co­mo a fal­ta de água po­tá­vel e de ali­men­tos. Das cer­ca de

250 mil que es­ta­ri­am pre­sas em Alep­po, ci­da­de no meio do con­fli­to, 100 mil são cri­an­ças, con­si­de­ra­das as mais vul­ne­rá­veis aos bom­bar­dei­os.

Quan­do per­gun­ta­do so­bre co­mo se sen­tia em re­la­ção às mor­tes, As­sad afir­mou que eram cul­pa dos ter­ro­ris­tas. “Em uma guer­ra, sem­pre te­mos ino­cen­tes fe­ri­dos ou mor­tos. O que vo­cê faz? Faz o me­lhor. Ter­ro­ris­tas ain­da es­tão em Alep­po e usam os ci­vis co­mo es­cu­dos hu­ma­nos”, res­pon­deu As­sad. O pre­si­den­te sí­rio tam­bém afir­mou que as for­ças do Oci­den­te vêm se en­fra­que­cen­do na Sí­ria e agra­de­ceu o apoio das for­ças rus­sas pa­ra en­fren­tar os re­bel­des no país.

Ata­ques du­ran­te seis anos de guer­ra des­truí­ram a ci­da­de de Alep­po

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.