Mu­lhe­res se unem na re­de con­tra Bolsonaro

Correio da Bahia - - Mais -

Cri­a­do no dia 30 de agos­to no Fa­ce­bo­ok, o gru­po Mu­lhe­res Uni­das con­tra Bolsonaro, de­di­ca­do a se opor ao can­di­da­to do PSL à Pre­si­dên­cia, Jair Bolsonaro, “que­brou” a in­ter­net. O agru­pa­men­to, formado ape­nas por elei­to­ras, co­me­çou a cha­mar a atenção na se­gun­da-fei­ra pas­sa­da, ao agregar mais de 300 mil mu­lhe­res em um úni­co dia. Dois di­as de­pois, atin­giu 872 mil – o equi­va­len­te a 1,13% do elei­to­ra­do fe­mi­ni­no ap­to a vo­tar es­te ano. E até as 18h de on­tem já con­ta­va com 1.126.551 mu­lhe­res.

As ade­sões acu­mu­la­das em al­ta ve­lo­ci­da­de mos­tram a re­jei­ção que o pre­si­den­ciá­vel en­fren­ta entre elei­to­ras – a mai­o­ria das vo­tan­tes no Bra­sil. Bolsonaro li­de­ra as pes­qui­sas com 26% das in­ten­ções de voto, mas entre o elei­to­ra­do fe­mi­ni­no sua re­jei­ção é de 50%, se­gun­do pes­qui­sa Ibo­pe di­vul­ga­da na ter­ça-fei­ra (11).

As cri­a­do­ras do gru­po afir­mam que o ob­je­ti­vo não é apoi­ar ne­nhum par­ti­do. O ob­je­ti­vo é unir quem não vote no can­di­da­to do PSL, a quem cha­mam de “ino­mi­ná­vel” ou “coi­so”. O gru­po apro­vei­ta a gran­de mo­bi­li­za­ção on­li­ne pa­ra mar­car atos pú­bli­cos con­tra Bolsonaro, um de­les se­rá no dia 29, na Ci­ne­lân­dia, no Rio.

“Nu­ma con­ver­sa in­for­mal, resolvemos cri­ar o gru­po pa­ra de­mons­trar a nos­sa in­sa­tis­fa­ção em re­la­ção à can­di­da­tu­ra do ino­mi­ná­vel por con­ta de seu dis­cur­so mi­só­gi­no”, dis­se a pu­bli­ci­tá­ria Lud­mi­la Teixeira, cri­a­do­ra do gru­po. A cam­pa­nha de Bolsonaro ne­ga o dis­cur­so ma­chis­ta e re­cla­ma da ex­plo­ra­ção de ima­gens do de­pu­ta­do in­sul­tan­do a deputada Ma­ria do Ro­sá­rio (PT-RS) e ofen­den­do uma re­pór­ter.

Tam­bém foram cri­a­dos gru­pos de mu­lhe­res de apoio a Bolsonaro, mas eles não che­gam a ter 100 mil mem­bros.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.