ANTÁRTIDA FI­CA MAIS VER­DE

Folha De S.Paulo - - Ciência+saúde -

DE SÃO PAU­LO - A ima­gem da Antártida é de um con­ti­nen­te bran­co, mas, com as mu­dan­ças cli­má­ti­cas, ela es­tá fi­can­do ca­da vez mais ver­de, in­di­ca es­tu­do pu­bli­ca­do nes­ta quin­ta (18) na re­vis­ta “Cur­rent Bi­o­logy”.

Ci­en­tis­tas que es­tu­da­ram ban­cos de mus­gos na re­gião vi­ram um au­men­to na quan­tia e na ta­xa de cres­ci­men­to des­sas plan­tas nos úl­ti­mos 50 anos.

Só 0,3% da Antártida é com­pos­ta por plan­tas, mas os mus­gos bem pre­ser­va­dos per­mi­tem uma aná­li­se do im­pac­to das mu­dan­ças cli­má­ti­cas so­bre a ve­ge­ta­ção lo­cal.

Na se­gun­da me­ta­de do sé­cu­lo 20, hou­ve um au­men­to de cer­ca de 0,5°C por dé­ca­da na pe­nín­su­la. O en­ver­de­cer da Antártida, jun­to com o au­men­to no tu­ris­mo, po­de fa­ci­li­tar a in­va­são de es­pé­ci­es.

Ban­co de mus­gos na Antártida; pes­qui­sa ana­li­sou im­pac­to das mu­dan­ças cli­má­ti­cas so­bre es­sas plan­tas e ve­ri­fi­cou seu cres­ci­men­to

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.