Pri­são é la­men­tá­vel, afir­ma de­fe­sa

Folha De S.Paulo - - Poder - DE SÃO PAU­LO

Em co­mu­ni­ca­do ao mer­ca­do, a JBS afir­mou que to­mou co­nhe­ci­men­to na ma­nhã des­ta quar­ta (13) da pri­são de Wes­ley Ba­tis­ta, di­re­tor pre­si­den­te do gru­po, e que ain­da não te­ve aces­so à ín­te­gra da de­ci­são.

A em­pre­sa tam­bém di­vul­gou que man­te­rá os “seus aci­o­nis­tas e o mer­ca­do de­vi­da­men­te in­for­ma­dos” so­bre o man­da­do de pri­são.

A res­pei­to da pri­são de Wes­ley, o ad­vo­ga­do Pi­er­pa­o­lo Bot­ti­ni afir­mou: “É ab­sur­da e la­men­tá­vel a pri­são e o inqué­ri­to aber­to há vá­ri­os me­ses em que in­ves­ti­ga­dos se apre­sen­ta­ram pa­ra dar ex­pli­ca­ções. Mais uma vez o Es­ta­do bra­si­lei­ro é des­le­al com quem co­la­bo­ra com a Jus­ti­ça”.

O ad­vo­ga­do Antô­nio Car­los de Al­mei­da Cas­tro —o Ka­kay, de­fen­sor dos Ba­tis­ta no STF des­de a se­ma­na pas­sa­da— di­vul­gou no­ta em que afir­ma que os ir­mãos po­de­ri­am ter in­cluí­do um ane­xo em seu acor­do de de­la­ção so­bre o su­pos­to uso de in­for­ma­ção pri­vi­le­gi­a­da.

“Se exis­tis­se qual­quer ir­re­gu­la­ri­da­de, eles te­ri­am acres­cen­ta­do um ane­xo, o que le­va­ria a imu­ni­da­de com­ple­ta tam­bém so­bre es­te fa­to. Pa­re­ce ób­vio que não fi­ze­ram por­que não há cri­me al­gum. Po­de­ri­am ter evi­ta­do a in­ves­ti­ga­ção e es­ta­ri­am ho­je sob o man­to da imu­ni­da­de”.

“A pri­são sur­pre­en­de e cau­sa in­dig­na­ção pois é ab­so­lu­ta­men­te des­ne­ces­sá­ria”, com­ple­ta.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.