Ne­go­ci­a­ções

Hotelnews Magazine - - GESTÃO -

O de­ba­te so­bre no­vos for­ma­tos de pres­ta­ção de ser­vi­ços não se li­mi­ta so­men­te à ho­te­la­ria – o im­pas­se en­tre ta­xis­tas e o Uber é ou­tro exem­plo da ne­ces­si­da­de da dis­cus­são e bus­ca de so­lu­ções. Fo­ra do Bra­sil, há ci­da­des que vem es­ta­be­le­cen­do re­gras pa­ra a ope­ra­ção des­te for­ma­to de hospedagem. Uma pes­qui­sa da pró­pria ABR mos­tra que o Es­ta­do de No­va York (EUA) pas­sou uma lei que im­põe mul­tas aos an­fi­triões que in­frin­gi­rem as leis es­ta­du­ais de ha­bi­ta­ção - ali, não se po­de alu­gar a mai­o­ria dos apar­ta­men­tos por um pe­río­do in­fe­ri­or a 40 di­as. Em Ber­lim, na Ale­ma­nha, o go­ver­no res­trin­ge as per­mis­sões de ne­go­ci­a­ção de imó­veis in­tei­ros em pla­ta­for­mas de eco­no­mia com­par­ti­lha­da, bus­can­do man­ter as ta­xas de lo­ca­ção de imó­veis aces­sí­veis pa­ra mo­ra­do­res per­ma­nen­tes. Os pro­pri­e­tá­ri­os po­dem, no en­tan­to, lo­car quar­tos in­di­vi­du­ais. Por ou­tro la­do, os da­dos do Da­ta­fo­lha ain­da apon­tam que 76% dos bra­si­lei­ros de­cla­ram es­tar sa­tis­fei­tos com a le­gis­la­ção atu­al so­bre a lo­ca­ção por tem­po­ra­da ou gos­ta­ria de no­vas re­gras que não cri­as­sem res­tri­ções ao Airbnb. A pró­pria com­pa­nhia re­for­çou, em co­mu­ni­ca­do, seu com­pro­mis­so glo­bal de trans­pa­rên­cia e co­o­pe­ra­ção, co­lo­can­do-se aber­ta pa­ra o di­a­lo­go com as au­to­ri­da­des bra­si­lei­ras: “A ati­vi­da­de do Airbnb no Bra­sil é ab­so­lu­ta­men­te le­gal e re­gu­lar, e es­ta­mos sem­pre aber­tos a dis­cu­tir os im­pac­tos ge­ra­dos pe­lo su­ces­so da pla­ta­for­ma em ca­da mer­ca­do. Mas a dis­cus­são so­bre no­vas re­gras não po­de ser­vir pa­ra cri­ar bar­rei­ras à ino­va­ção e à con­cor­rên­cia, o que pre­ju­di­ca os con­su­mi­do­res e a so­ci­e­da­de, ou pa­ra im­por bu­ro­cra­ci­as pa­ra os mi­lha­res de pes­so­as que de­pen­dem da ren­da ex­tra afe­ri­da pe­la lo­ca­ção de tem­po­ra­da de quar­tos ou la­res, que de ou­tra for­ma fi­ca­ri­am vazios”. O Airbnb ain­da po­si­ci­o­na-se ofi­ci­al­men­te des­ta­can­do: “No Bra­sil, o alu­guel de tem­po­ra­da es­tá pre­vis­to e re­gu­la­men­ta­do pe­la Lei do In­qui­li­na­to, e os lo­ca­tá­ri­os de­vem de­cla­rar e re­co­lher os im­pos­tos de acor­do com as re­gras do im­pos­to de ren­da. A pla­ta­for­ma vi­a­bi­li­za a mo­vi­men­ta­ção econô­mi­ca fo­ra dos ei­xos tra­di­ci­o­nais do tu­ris­mo: cer­ca de 75% dos anún­ci­os es­tão fo­ra dos dis­tri­tos ho­te­lei­ros, o que le­va o viajante a cir­cu­lar e gas­tar em bair­ros di­fe­ren­tes, im­pul­si­o­nan­do os co­mér­ci­os lo­cais”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.