DAR O PRI­MEI­RO PAS­SO

O Dia - - MUNDO -

Na se­ma­na pas­sa­da, por cin­co di­as o Pa­pa Fran­cis­co es­te­ve na Colôm­bia, co­mo pe­re­gri­no da paz. O te­ma da vi­si­ta foi ‘fa­ça­mos o pri­mei­ro pas­so’, in­di­can­do o pro­ces­so de re­con­ci­li­a­ção no país aba­la­do por mais de 50 anos de gu­er­ra en­tre o Go­ver­no e as For­ças Ar­ma­das Re­vo­lu­ci­o­ná­ri­as da Colôm­bia (FARC) e que al­can­çou a as­si­na­tu­ra dos acor­dos de paz. O mo­men­to cen­tral foi o en­con­tro de ora­ção pa­ra re­con­ci­li­a­ção na­ci­o­nal, com a par­ti­ci­pa­ção de mi­lha­res de so­bre­vi­ven­tes do con­fli­to. Foi apre­sen­ta­do o testemunho de ví­ti­mas da vi­o­lên­cia que su­pe­ra­ram a dor a par­tir da fé. O Pa­pa ex­pli­cou que re­con­ci­li­a­ção não é uma pa­la­vra que devemos con­si­de­rar abs­tra­ta; se as­sim fos­se, tra­ria mai­or dis­tân­cia. Re­con­ci­li­ar-se, se­gun­do ele, é abrir uma por­ta.

Qu­an­do as ví­ti­mas ven­cem a ten­ta­ção com­pre­en­sí­vel da vin­gan­ça, tor­nam-se pro­ta­go­nis­tas da cons­tru­ção da paz. Se­guin­do es­te pen­sa­men­to, é pre­ci­so que te­nha­mos sem­pre co­ra­gem de dar o pri­mei­ro pas­so, sem es­pe­rar os ou­tros. Bas­ta uma pes­soa boa, pa­ra que ha­ja es­pe­ran­ça. E ca­da um de nós pode ser es­sa pes­soa.

AS PA­LA­VRAS DO PA­PA

As pa­la­vras do Pa­pa re­ve­lam o seu de­se­jo pa­ra to­da Amé­ri­ca La­ti­na: uma Igre­ja que fa­ça parte da his­tó­ria do po­vo, que con­so­le as fe­ri­das, as cu­re, que per­cor­ra os ca­mi­nhos pa­ra a paz. E ca­da um de nós pode apli­car o de­se­jo do San­to Pa­dre em nos­so dia-a- dia. Se­rá que so­mos ca­pa­zes de dar o pri­mei­ro pas­so jun­to às pessoas que nos fe­ri­ram? Ou pre­fe­ri­mos fi­car ca­la­dos nas si­tu­a­ções que nos de­sa­gra­dam? É im­por­tan­te que a gen­te te­nha co­ra­gem de bus­car o res­ga­te da­que­les que er­ram e não es­pe­rar a sua des­trui­ção, lu­tar pe­la jus­ti­ça e não pe­la vin­gan­ça, pe­la re­pa­ra­ção na ver­da­de e não no seu es­que­ci­men­to. Co­mo nos pe­diu o Pa­pa: va­mos dar o pri­mei­ro pas­so, e ain­da, con­ti­nu­ar di­a­ri­a­men­te a ca­mi­nhar jun­tos, pro­cu­ran­do ir a en­con­tro do ou­tro. Não po­de­mos fi­car pa­ra­dos!

Pa­dre Omar: é o Rei­tor do San­tuá­rio do Cris­to Re­den­tor do Cor­co­va­do. Fa­ça per­gun­tas ao Pa­dre Omar pe­lo e-mail pa­dre­o­mar@pa­dre­o­mar.com. Aces­se tam­bém www.pa­dre­o­mar.com e www. fa­ce­bo­ok.com/pa­dre­o­mar­ra­po­so

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.