Volkswagen re­jei­ta hi­pó­te­se de des­lo­ca­li­zar pro­du­ção

Destak - - Atualidade -

Uma der­ro­ca­da nu­ma obra na Rua das Tai­pas, em Lisboa, pro­vo­cou on­tem a mor­te de um tra­ba­lha­dor es­tran­gei­ro e le­vou ou­tro, de na­ci­o­na­li­da­de por­tu­gue­sa, a ser as­sis­ti­do no hos­pi­tal.

O pre­si­den­te exe­cu­ti­vo da Volkswagen es­pe­ra uma so­lu­ção em ou­tu­bro para o con­fli­to la­bo­ral exis­ten­te na fá­bri­ca da Autoeuropa e afas­ta a hi­pó­te­se de trans­fe­rir a pro­du­ção do no­vo mo­de­lo T-roc de Palmela. «Sim, de­fi­ni­ti­va­men­te», res­pon­deu Her­bert Deiss à ques­tão co­lo­ca­da num en­con­tro com jor­na­lis­tas por­tu­gue­ses so­bre ou­tu­bro ser a da­ta para che­gar a uma so­lu­ção en­tre tra­ba­lha­do­res e a ad­mi­nis­tra­ção da­au­to­eu­ro­pa­em­re­la­ção­a­o­tra­ba­lho ao sábado para as­se­gu­rar a pro­du­ção do no­vo mo­de­lo da mar­ca. No sa­lão automóvel de Frank­furt, na Alemanha, Her­bert Deiss ga­ran­tiu ain­da que o cons­tru­tor «não es­tá a con­si­de­rar ou­tra­sop­ções»pa­ra­a­pro­du­ção­dot-roc, re­al­çan­do que se­ria «mui­to dis­pen­di­o­so al­te­rar o lo­cal de fa­bri­co». «Po­de­mos ven­der tan­tos car­ros (T-ROC) quan­tos Por­tu­gal pu­der pro­du­zir», acres­cen­tou o di­ri­gen­te, no­tan­do os pla­nos de des­con­ti­nu­ar a pro­du­ção me­nos atra­ti­vos. Ques­ti­o­na­do so­bre o que es­tá em cau­sa nas ne­go­ci­a­ções com os tra­ba­lha­do­res, Deis­se fa­lou nu­ma «com­bi­na­ção» de fa­to­res e re­cor­dou que com o no­vo mo­de­lo a fá­bri­ca re­gres­sa­rá à ca­pa­ci­da­de ple­na de pro­du­ção.

© TI­A­GO PETINGA/LU­SA

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.