9 coi­sas que po­de fa­zer com a sua im­pres­so­ra além de im­pri­mir do­cu­men­tos

Ac­tu­al­men­te, qua­se nin­guém usa a im­pres­so­ra pa­ra im­pri­mir do­cu­men­tos, já que (qua­se) tu­do se tor­nou di­gi­tal. Mas não se ve­ja já li­vre des­ta sua com­pa­nhei­ra de ou­tros tem­pos: há dez coi­sas bas­tan­te úteis que ain­da po­de fa­zer com ela.

PC Guia - - CONTENTS - POR RI­CAR­DO DU­RAND

1 TO­DOS OS TI­POS DE LE­TRA CATALOGADOS

Às ve­zes, an­da­mos a fa­zer scroll du­ran­te de­ma­si­a­do tem­po pe­la lis­ta dos ti­pos de le­tra pa­ra es­co­lher uma a usar num tra­ba­lho ou num ou­tro qual­quer do­cu­men­to. Não era mais fá­cil ter uma lis­ta à mão on­de con­se­guis­se ver lo­go de uma vez quais os que tem ins­ta­la­dos no com­pu­ta­dor. Is­to é pos­sí­vel com a apli­ca­ção por­tá­til e gra­tui­ta PrintMyFonts (bit.ly/2NQ6P­la) dis­po­ní­vel pa­ra macOS, Win­dows e Li­nux, que nos im­pri­me uma fra­se à nos­sa es­co­lha com to­dos os ti­pos de le­tra que ti­ver­mos. Po­de­mos es­co­lher to­das as va­ri­a­ções de uma fon­te (itá­li­co, bold), adi­ci­o­nar ca­rac­te­res de ou­tros idi­o­mas e ex­cluir cer­tos es­ti­los (co­mo as le­tras se­ri­fa­das).

2 CRIE ETIQUETAS TRANS­PA­REN­TES… COM TRU­QUE

É da­que­las pes­so­as que faz com­po­ta ca­sei­ra ou gos­ta de ter os fras­qui­nhos de chás ou es­pe­ci­a­ri­as pró­pri­as bem catalogados e bo­ni­ti­nhos. En­tão es­tá na ho­ra de cri­ar etiquetas (ou ró­tu­los) de uma for­ma en­ge­nho­sa. Pri­mei­ro, crie-as num soft­ware co­mo o Word e de­pois im­pri­ma-as. De se­gui­da use fi­ta co­la trans­pa­ren­te pa­ra co­brir to­da a área do de­se­nho. Cor­te-as à me­di­da e mer­gu­lhe-as em água fria du­ran­te cin­co mi­nu­tos. A tin­ta vai sair do pa­pel, mas vai fi­car agar­ra­da à fi­ta-co­la, que vol­ta a ga­nhar ade­rên­cia quan­do se­ca. Pa­ra ti­rar as dú­vi­das so­bre es­ta téc­ni­ca ve­ja es­te guia em ví­deo no You­Tu­be: bit.ly/2Aqc09J.

3 IM­PRI­MIR CÓ­DI­GOS QR

A fer­ra­men­ta on­li­ne gra­tui­ta QR Co­de Ge­ne­ra­tor (goqr. me) pos­si­bi­li­ta a cri­a­ção de có­di­gos QR per­so­na­li­za­dos com in­for­ma­ção de tex­to, links, ma­pas, ima­gens e mui­to mais. Por exem­plo, po­de trans­for­mar uma re­cei­ta num có­di­go QR, im­pri­mi-lo e co­lá-lo num ca­der­no de no­tas pa­ra que te­nha vá­ri­as re­cei­tas nu­ma pá­gi­na. A câ­ma­ra do iPho­ne con­se­gue ler có­di­gos QR, mas as dos smartpho­nes An­droid não. Use uma app co­mo a Scan (scan.me) pa­ra con­se­guir fa­zer is­so.

4 LIS­TAS DE FI­CHEI­ROS

O Fi­le­list Cre­a­tor (bit.ly/2LwoTEl, do mes­mo pro­gra­ma­dor da PrintMyfonts) é ou­tra app gra­tui­ta e por­tá­til que ge­ra uma lis­ta com o no­me dos fi­chei­ros que ar­ras­tar pa­ra a sua ja­ne­la. De­pois, é pos­sí­vel per­so­na­li­zar in­for­ma­ção, co­mo por exem­plo adi­ci­o­nar o ta­ma­nho e a re­so­lu­ção de um fi­chei­ro de ima­gem. Po­de­mos ex­por­tar a lis­ta pa­ra uma sé­rie de for­ma­tos, in­cluin­do fo­lha de cál­cu­lo. É uma boa op­ção pa­ra in­cluir na cai­xa da­que­les CD chei­os de bac­kups.

5 POSTERS GI­GAN­TES COM MOSAICOS DE FO­LHAS

Se qui­ser im­pri­mir fotos com ta­ma­nho su­pe­ri­or a uma fo­lha A4, pro­va­vel­men­te, vai ter de ir a um cen­tro de có­pi­as, coi­sa que lhe po­de sair mui­to ca­ra. A so­lu­ção po­de es­tar em im­pri­mir fo­lhas se­pa­ra­das A4 que de­pois se jun­tam pa­ra cri­ar uma ima­gem gi­gan­te. O Mi­cro­soft Paint per­mi­te fa­zer is­to mes­mo: no me­nu ‘Fi­chei­ro’, en­tre em ‘Im­pri­mir’ e de­pois em ‘Pa­ge Se­tup e em ‘Fit To’, mas o re­sul­ta­do nem sem­pre é bom. Co­mo al­ter­na­ti­va, po­de usar a fer­ra­men­ta on­li­ne Pos­te­ri­zer Ras­ter­ba­tor (bit.ly/2LrsgMy) pa­ra on­de po­de ar­ras­tar uma ima­gem (de pre­fe­rên­cia de gran­de di­men­sões) e ver o ta­ma­nho em re­la­ção a uma por­ta com dois me­tros, por exem­plo, pa­ra ter uma ideia do re­sul­ta­do fi­nal. O si­te per­mi­te o download zi­pa­do dos fi­chei­ros já di­vi­di­dos em mosaicos, no for­ma­to PDF ou JPG.

6 IM­PRI­MIR AR­TI­GOS ON­LI­NE PA­RA UMA FÁ­CIL LEI­TU­RA

Ler em pa­pel con­ti­nua a ser mais con­for­tá­vel que num mo­ni­tor ou ecrã de um smartpho­ne ou ta­blet. Pa­ra fa­zer bo­as im­pres­sões de ar­ti­gos que en­con­trar on­li­ne, co­pie o en­de­re­ço do mes­mo e co­le-o no si­te print­fri­en­dly.com. Es­ta fer­ra­men­ta on­li­ne re­ti­ra os anún­ci­os e dei­xa-o re­po­si­ci­o­nar ima­gens (se hou­ver) e de­fi­nir o ta­ma­nho do tex­to an­tes de im­pri­mir.

7 TRANS­FE­RIR UMA IM­PRES­SÃO PA­RA MA­DEI­RA

Es­ta é uma das coi­sas mais cri­a­ti­vas que vai apren­der a fa­zer nes­te guia. Pri­mei­ro, tem de ar­ran­jar aque­las fo­lhas que têm etiquetas, nor­mal­men­te usa­das pa­ra im­pri­mir mo­ra­das pa­ra co­lo­car em en­ve­lo­pes. Se­gun­do, vai ter de re­ti­rar to­das as etiquetas e co­lo­car a fo­lha na im­pres­so­ra de for­ma a que a ima­gem se­ja im­pres­sa nes­sa área. Não se es­que­ça que, com a trans­fe­rên­cia pa­ra a ma­dei­ra, a ima­gem vai fi­car es­pe­lha­da, por is­so in­ver­ta-a pri­mei­ro no com­pu­ta­dor. Po­de ver um guia com­ple­to com to­dos os de­ta­lhes num ví­deo do car­pin­tei­ro Steve Ram­sey no You­Tu­be: bit.ly/2K1GwWZ.

8 UM MA­PA GO­O­GLE PERSONALIZADO

O Go­o­gle Maps per­mi­te uma im­pres­são mais um me­nos com­pe­ten­te, mas pa­ra ter me­lho­res re­sul­ta­dos po­de usar a apli­ca­ção on­li­ne Go­o­gle Map Cos­tu­mi­zer (bit.ly/2OogMqX). Es­ta é mais avan­ça­da e per­mi­te de­fi­nir uma sé­rie de pa­râ­me­tros, co­mo des­ta­car ape­nas as ru­as ou es­tra­das que qui­ser e es­co­lher as di­men­sões exac­tas da im­pres­são. In­fe­liz­men­te, não há qual­quer op­ção que per­mi­ta im­pri­mir o re­sul­ta­do, por is­so o me­lhor é fa­zer um scre­enshot do ma­pa que aca­bou de per­so­na­li­zar.

9 IM­PRI­MIR DI­REC­TA­MEN­TE EM TE­CI­DO

Pri­mei­ro que tu­do, não pen­se que vai po­der fa­zer is­to nu­ma t-shirt. Mas se ti­ver um bo­ca­do de te­ci­do, pe­lo me­nos do ta­ma­nho de uma fo­lha A4, on­de quei­ra im­pri­mir uma fo­to­gra­fia, por exem­plo, di­ze­mos-lhe co­mo po­de fa­zer. Cor­te uma fo­lha de pa­pel ve­ge­tal (aque­le usa­do na co­zi­nha) à di­men­são do pe­da­ço de te­ci­do e, com a aju­da de um fer­ro de en­go­mar co­le os dois. Is­to vai ser­vir pa­ra que o te­ci­do pos­sa fi­car pron­to a ser im­pres­so. Ago­ra, bas­ta co­lo­car is­to na im­pres­so­ra, de for­ma a que a im­pres­são se­ja fei­ta no te­ci­do. Fi­nal­men­te, bas­ta des­co­lar o pa­pel ve­ge­tal do te­ci­do pa­ra fi­car pron­to. Há um ví­deo no You­Tu­be que ex­pli­ca is­to tu­do mui­to bem: bit.ly/2AhxqWi.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.